Ajuda a pais perante a enurese

Truques e conselhos para pais

Conselhos de outros pais

Muitas vezes, os melhores conselhos vêm de outros pais que se encontram na mesma situação. Pedimos a algumas mães que partilhassem as suas experiências connosco e que nos dessem conselhos que pudessem ajudar qualquer mãe cujo filho padeça de enurese. 

Na cama

Na cama

O momento de preparar para ir para a cama é essencial para ter um bom descanso durante a noite. Se o seu filho estiver preocupado com o que possa acontecer durante a noite, isso pode criar uma tensão e deixar a mãe sob stress, e assim a mãe não conseguirá descansar.

Uma mãe com duas filhas partilhou o seguinte:

"Quando as minhas filhas estão calmas e relaxadas na hora de ir dormir, conseguirem dormir bem durante a noite. Todas as situações que as crianças vivem durante o dia afetam a forma de dormir e o seu comportamento, e podem causar pesadelos que, frequentemente, desencadeiam problemas de incontinência durante a noite. Pessoalmente, antes de ir para a cama, eu passo algum tempo com cada uma das crianças em separado. Dou-lhes beijos e abraços e converso com elas para garantir que está tudo bem. Se os nossos filhos estiverem relaxados, nós também estaremos!"

Como afirma a Maria, é importante ser um exemplo a imitar na conduta dos nossos filhos:

"A última coisa que faço todas as noites antes de ir para a cama é ir à casa de banho e pedir ao meu filho que faça o mesmo. Ele imita-me e assim evitamos incidentes incómodos durante a noite."

A Júlia está muito satisfeita com a utilização de DryNites® com a sua filha mais pequena:

"As DryNites® são brilhantes na hora de ir dormir. A minha filha é demasiado crescida para usar fraldas, e as cuequinhas DryNites® têm uns desenhos que ela adora e assim sente como se usasse roupa interior a sério. Se passarmos uma noite fora de casa, nunca nos esquecemos de levar as cuequinhas absorventes connosco."

Se o seu filho tiver algum incidente durante a noite, é essencial que converse com ele de forma calma e que o tranquilize, tal como diz a Lídia:

"Não dê mais importância à situação do que a que tem. Basta mudar a roupa da criança e os lençóis e fazer com que a criança saiba que não aconteceu nenhum problema e que foi simplesmente um incidente isolado."

Viagens

Viagens

Controlar o esfíncter durante o dia não costuma ser problema, mas o que devemos fazer durante viagens longas de automóvel em que as crianças costumam adormecer? A Ana tem uma regra de ouro.

"Pedimos sempre ao nosso filho de 4 anos que vá à casa de banho antes de sairmos de casa para fazer uma longa viagem de automóvel."

Para a Daniela, é importante planear bem as paragens para ir à casa de banho durante a viagem:

"Analiso o percurso antes de sair para ver onde há casas de banho públicos pelo caminho." A Célia também aconselha: "Recomendo que levem sempre um urinol portátil e um pacote de toalhitas húmidas caso surja uma urgência durante a viagem."

Para evitar acidentes, o Paulo sugere:

"Coloque uma colcha no assento do automóvel para tornar uma viagem longa mais confortável. Por vezes, se adormecerem, podem acordar molhados."

 "Se tivermos de fazer uma viagem longa em que haja a possibilidade de o meu filho adormecer, visto-o com bóxeres DryNites", afirma a Pilar."

Finalmente, a Adriana aconselha:

"Pode fazer parte do sentido comum, mas nunca se esqueça de levar roupa interior a mais para o seu filho e diga-lhe que é muito importante que avise quando sentir vontade de ir à casa de banho".

Noites fora de casa

Noites fora de casa

Quando os seus filhos crescerem, as noites fora de casa serão cada vez mais frequentes. Em casa de amigos, na casa dos avós, em viagens escolares... Se o seu filho molhar a cama, estas situações podem causar problemas. Mas com a preparação adequada, não há necessidade de fazer com que o seu filho perca estas noites de divertimento fora de casa.

A Daniela comenta:

"Conheço algumas crianças que estudam em cursos da escola secundária que molham a cama e que não têm qualquer problema em dormir fora de casa, incluindo em ocasiões que os obriguem a dormir fora durante vários dias seguidos e a partilhar quarto com outros meninos ou meninas."

A Natália recomenda:

"Garanta sempre que o seu filho consiga adormecer. Isto é muito importante. Não importa se precisar de ajuda de um peluche, de um livro em particular, com o seu pijama preferido... Qualquer coisa que o deixe relaxado e o ajude a adormecer ajudará a resolver os problemas de stress durante a noite."

A Rebeca afirma que as mães também devem ter uma pequena distração:

"O mais normal é que as mães acabem por sentir-se mais preocupadas do que deveriam se o problema persistir. Por isso, o meu conselho é que tentem ter a mente ocupada com outras coisas durante o dia para que não fique obcecada com esta situação."

Recompensa

Recompensa

Para algumas crianças, a motivação para conseguir algo surge através de um prémio que pode ter um efeito muito positivo. Adoramos este conselho da Clara:

"Deixei no quarto da minha filha de 5 anos um saco com berlindes e uma caixa ao lado. Todas as manhãs, se ela levantar-se seca, coloca um dos berlindes na caixa.  Pouco a pouco, a caixa vai ficando cheia. Quando estiver cheia, ela pode escolher fazer o que mais lhe apetecer, como ir ao jardim zoológico ou ao aquário. Desde que fazemos isto, ela tem se levantado seca muitas mais noites. Parece que está a funcionar!"

Apoio

Apoio

Na maioria dos casos, o que marca a diferença é a maneira com que cada pessoa enfrenta esta situação.

A Maria conta-nos um pouco sobre a sua experiência:

"Quando era pequena, molhava a cama. É essencial que os pais saibam como enfrentar esta situação e que não façam com que os seus filhos se sintam mal. Ainda hoje em dia, custa-me muito dormir fora de casa. Julgo que é algo que ficou gravado na minha memória."

A Amélia explica a importância em ter alguém que possa ajudar-nos, a nós e ao nosso filho, a lidar com a situação:

"A mim e ao meu filho, teria sido muito difícil superar esta fase sem a ajuda da nossa família e do professor dele, que nos apoiaram muito."

Eis o conselho da Catarina:

"Julgo que o melhor que conselho que possa dar é evitar ficar sob stress com esta situação. Há muitos casos de crianças que não controlam a vontade de fazer xixi durante a noite. Eu preocupava-me muito com o meu filho, mas aprendi a aceitá-lo. Graças aos produtos especializados para resolver este problema, como Cuecas noturnas absorventes, disponíveis para todas as idades, conseguimos que não se transformasse num problema."

 

Configuración de Cookies